Qual a diferença entre GLP (gás liquefeito de petróleo) e o gás natural (GN) ?

Você sabia que há dois tipos de gás usados em nossos fogões? Um deles é o GLP (Gás Liquefeito de Petróleo) que é o que todos conhecem e que vem em botijões. O outro gás é o GN (Gás Natural), que é o gás encanado, muito comum em condomínios, por exemplo.

Quer saber as diferenças entre os dois? Acompanhe o artigo para mais informações.

O Gás GLP

O GLP é o nosso famoso gás de cozinha, o chamado gás liquefeito de petróleo. Esse gás é mais comum, devido à facilidade de armazenamento, transporte e de valor mais econômico. Por todas essas características, ele é um gás mais fácil de chegar a todos os lugares, já que está em botijões.

É importante nos lembrarmos da segurança. Se houver vazamento de GLP em local aberto, ele se dissipará, mas em local pesado há perigo de incêndio se houver fontes de ignição próximas. Por isso, é importante os botijões estarem em lugar arejado.

Gás GN

O GN, ou gás natural, é fornecido através de encanamentos, e podemos ver em prédios residenciais modernos, ou comercias que utilizem copa. Há de lembrar que nem todo fogão recebe gás natural e talvez vá precisar de ajustes, mas se for os mais modernos já existem alguns modelos prontos para essa opção.

Diferente do GLP, o GN é distribuído por encanamento e não há disponibilidade em todas as ruas, por exemplo. O gás natural é distribuído como a água, ou seja, você terá a sua conta de consumo ao final do mês, e não precisará ligar para pedir um novo botijão. O problema é que devido a uma obra aqui ou ali nas ruas, você pode ter a distribuição interrompida.

Semelhanças x Diferenças

É preciso dizer que ambos os gases têm composições diferentes, mas ambos são úteis quando falamos de cozinha. Os dois são inodoros e incolores, o cheiro que sentimos de gás é, na verdade, um aditivo, adicionado ao gás para nos alertar sobre um vazamento.

Como dito sobre o GLP e a segurança, o GN também é inflamável em caso de vazamento próximo de fontes de ignição, como lâmpadas, por exemplo. Por isso é importante seguir as normas de segurança de instalação, seja da mangueira de gás do GLP ou do encanamento do GN.

O GLP é vendido por Kcal/kg, e você paga apenas por aquela quantidade e reabastece quando quer, já o GN é um valor de tarifas de acordo com o consumo por metro cúbico.

Com o GN você estará abastecido sem precisar comprar mais botijões, mas, ao mesmo tempo, não se pode ter um adicional se a distribuição for interrompida, e vice-versa sobre o GLP, porém o gás GLP produz energia limpa, não gera resíduos pesados e assim não agride o meio ambiente.

Conseguiu decidir qual é o melhor gás para seu consumo? Aproveite para visitar nosso site e conhecer os nossos produtos. Se preferir entre em contato pelo nosso WhatsApp, e teremos o prazer em te ajudar a montar seu negócio.

Deixe um comentário